domingo, 16 de dezembro de 2012

Fim da Webjet, começo das dificuldades.

Em outra ocasião, aqui mesmo no blog, abordei a importância da concorrência para o consumidor (clique aqui), por permitir escolhas de fornecedor e garantir a perspectiva de procurarmos sempre os mais eficientes ou aqueles que tem melhor atendimento. Um bom exemplo de como o consumidor pode ser prejudicado pela redução da concorrência, é a indústria da aviação brasileira, já que um dos temas que se discutiu nos últimos dias foi o fim da companhia aérea Webjet.

A Webjet operava em um modelo estratégico, que pela teoria de Michael Porter, seria definido como estratégia de baixo custo, ou seja, a qualidade do serviço não era exatamente o foco, mas sim oferecer o serviço pelo menor preço. Esta estratégia, além de assegurar espaço para a empresa no mercado, ainda contribuiu com a democratização das viagens de avião. A classe C passou a poder também evitar as longas viagens de ônibus, ou seja, tornou-se clientela cativa da companhia.

Entretanto, houve uma aquisição da Webjet pela Gol, uma das principais companhias brasileiras, que também se propôs, em alguns momentos a viabilizar-se pela estratégia de baixo custo, mas agora não difere tanto das demais companhias, salvo uma promoção aqui e outra ali,e portanto, resolveu eliminar este concorrente, o que em um setor de concorrência imperfeita, ou de poucos players, como a aviação, logo resulta em altas dos preços, bem como muitos já relatam e não tive notícia de que o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) tenha feito grandes esforços para evitar esta aquisição.

Quem deve estar agradecendo pelo fim da Webjet é uma parcela da elite brasileira (ver aqui), que nunca aceitou bem esta democratização da aviação e ao invés de contribuir para que a sociedade exigisse do Estado melhores condições dos aeroportos, para conseguir acompanhar o crescimento do setor, preferiu reclamar e de repente até mesmo envolveu-se nesta operação, como forma de recuperar o "seu espaço exclusivo".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

«« LOCALIZAR »»