domingo, 1 de janeiro de 2012

Não perca tempo em 2012!

Feliz 2012, meus amigos!!!!! Que vocês tenham um ano de muita saúde, paz, prosperidade, sucesso e fartura! Como o Réveillon é uma festa ligada ao tempo, pois comemoramos o fim de um ano e o começo de outro ano, nada melhor do que começarmos o ano falando de tempo,
um ativo intangível porque não o tocamos e que não temos como recuperar. Perdeu tempo, já era, não volta mais.

Por isso é bom que sejamos eficientes no uso do nosso tempo e busquemos soluções para que tenhamos tempo para o lazer, a família e até mesmo para não fazer nada de vez em quando. E como conseguimos isso? Evitando ou buscando evitar situações em que se perca muito tempo sem necessidade. Imagine, por exemplo, que por não usar o internet banking, você vá à uma agência pagar suas contas (sem falar nos saques) duas vezes por mês e perca 5 minutos na fila a cada vez. Você terá gasto 120 minutos, ou 2 horas inteiras ao longo de um ano. Mas estamos falando ainda de pouco tempo.

Agora imagine que, por não tentar procurar outro caminho para ir de casa ao trabalho, você perca 20 minutos por dia além do necessário, apenas na ida. Com 22 dias úteis por mês, você perderá 5.280 minutos anuais, ou 88 horas ou 3 dias inteiros e 16 horas por ano! Tempo suficiente pra fazer muitas coisas, não acham?

Agora estime todo o tempo que você perde realmente sem necessidade, e chegará a valores absurdos. São vários dias inteiros por ano, talvez meses, perdidos em coisa nenhuma, em esperas inúteis, nas filas, na ineficiência dos serviços. Há até quem defenda indenização para quem faz pouco caso do tempo alheio (clique aqui). "Tempo é dinheiro", já diz um velho adágio, que está certíssimo! Quem se organiza valoriza o seu tempo, valoriza o tempo dos outros e pode fazer mais coisas, com menos esforço, usando a "mágica" da eficiência.

Que em 2012, não desperdicemos os nossos valiosos recursos, entre eles o nosso precioso tempo.

Abraços,

2 comentários:

  1. LEONARDO MAGNAVITA6 de janeiro de 2012 22:35

    Tempo perdido é mais do que dinheiro não ganho... é vida escoando pelo ralo.

    ResponderExcluir
  2. Nem me fale. Escrevi este texto sob o sentimento de aborrecimento com este tipo de situação.

    ResponderExcluir

«« LOCALIZAR »»